Imposto de renda pessoa física para produtor e afiliado digital, como se proteger?

Imposto de renda pessoa física para produtor e afiliado digital, como se proteger?

Imposto de renda para produtor e afiliado digital quando começar a declarar?

O imposto de renda pessoa física é obrigatório para todas as pessoas que receberam rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 no ano calendário de 2019, e quando falamos de pessoa física estamos falando de todas as pessoas incluindo produtores e afiliados digitais. 

Empreender como produtor ou afiliado digital em muitos casos requer paciência e muita dedicação até começar a colher os resultados, então as plataformas como Monetizze, Eduzz e Hotmart buscando ajudar os empreendedores, dessa forma estipularam um limite de saque para que o empreendedor digital não precise constituir uma empresa de imediato, limitando o saque em R$ 1.900,00 assim a plataforma se isenta da obrigação de recolher o imposto de renda sobre cada profissional e o empreendedor fica isento de pagar impostos.

Porém, nem sempre os profissionais que atuam como afiliado digital, atuam apenas em uma plataforma e os produtores ultrapassam os limites de isenção para declaração do impostos de renda (R$ 28.559,70) muito rápido mesmo quando estão limitados ao saque de R$ 22.800,00/ano.

Então se o produtor faturou acima de R$ 28.559,70 mesmo tendo sacado apenas R$ 22.800,00/ano ou se o afiliado recebeu valor acima do limite para isenção somados todas as comissões sendo de uma plataforma única ou somados às comissões de outras plataformas ou até mesmo valores recebidos como CLT deverão neste momento realizar obrigatoriamente a declaração de imposto de renda.

Em resumo:

Se o produtor ou afiliado recebeu acima de R$ 28.559,70/ano somados vendas, comissões, rendimentos tributáveis de outras fontes de renda (CLT por exemplo) deverão declarar o imposto de renda em 2020.

Por que plataformas digitais limitam o saque por CPF?

Por que plataformas digitais limitam o saque de produtor ou afiliado

Como mencionado acima, cada plataforma estipula o seu limite de saque para pessoas pessoa física, pelo simples fato, toda empresa que pagar para pessoa física valores acima do teto para isenção do imposto de renda deverá obrigatoriamente fazer a retenção do imposto de renda.

Agora imagine, quantos produtores digitais ou afiliados existem cadastrados nessas plataformas e que estejam monetizando acima dos limites?

Imaginou?

Agora imagine ter que recolher impostos sobre todos esses profissionais, seria muita responsabilidade e ainda poderiam envolver diversos outros problemas para as plataformas.

Exatamente por esses motivos o produtor e afiliado digital estão limitados ao saque.

Qual o valor devido de imposto de renda para produtor e afiliado digital?

Quando o produtor digital ou afiliado digital estiver monetizando valores acima do mencionado para isenção do imposto de renda pessoa física ele fica sujeito a uma alta taxa tributária, tendo que recolher impostos de até 27,5% sobre o valor excedido.

Ah! não podemos esquecer também que deve ser deduzido o ISS entre 2% e 5% sobre serviços do seu município, para as notas fiscais que você tem obrigação de emitir sendo produtor digital ou afiliado.

Como funciona o tabela progressiva do IRPF?

A tabela do imposto de renda segue um padrão para todas as categorias sejam pessoas profissionais do mercado digital ou não, a regra é progressiva ou seja quando mais essa pessoa ganha maior o imposto a recolher, como demonstramos abaixo:

  • Quem ganha até R$ 1.903,98 estará isento da cobrança.
  • Rendas entre R$ 1.903,99 e R$ 2.826,65 são taxadas em 7,5%.
  • Rendas entre R$ 2.826,66 e R$ 3.751,05 são taxadas em 15%.
  • Rendas entre R$ 3.751,06 e R$ 4.664,68 são taxadas em 22,5%.
  • Rendas acima de R$ 4.664,68 são taxada em 27,5%.

Para reduzir os percentuais acima, o produtor ou afiliado digital tem duas opções, a primeira delas é segurar ao máximo o seu faturamento para não ultrapassar os limites de isenção do imposto de renda, porém ainda sim ficando obrigado a emitir nota fiscal e recolher ISS (imposto sobre serviço), ou se formalizar com uma contabilidade especializada como a honney contábil e ficar protegido, pagando a menor faixa tributária e tirar o melhor proveito.

 

Vantagens do produtor ou afiliado digital declarar o imposto de renda pessoa física?

como declarar imposto de renda de produtor e afiliado digital

Uma das grandes vantagens é a proteção dos valores recebidos, apesar da alta taxa imposta pelo fisco ainda sim é uma proteção, visto que a multa por sonegação pode chegar a 300% quando a receita comprova que o contribuinte de fato optou por sonegar.

Outra vantagem é uma forma de comprovar renda, quando o empreendedor não tem fonte de renda declarada ou como comprová-la a declaração de imposto de renda pode ser uma boa forma, pois assim de forma segura irá declarar os seus rendimentos ao fisco sendo gerado um comprovante de declaração e rendimentos, este será o documento que o empreendedor usará como comprovante de renda para conseguir cartões de crédito, limites de compras e financiamentos.

Nós da honney contábil estamos aqui para te auxiliar em todos os momentos, se você quiser realizar a sua declaração de imposto de renda basta preencher o formulário abaixo e/ou se quiser constituir a sua empresa e ficar realmente protegido basta clicar no botão abaixo para falar com a gente.

Lembre-se empreender de forma segura é o meio mais fácil para alcançar o sucesso e nós da honney contábil somos especialistas no mercado digital e em tornar essa trajetória mais doce.

Fale com os nossos consultores

       

      telegram honney contabil - contabilidade para produtor e afiliado digital whatsapp honney contabil - contabilidade para produtor e afiliado digital

Deixe uma resposta